• Seja bem vindo !

    Este site foi criado com o objetivo de divulgar a Umbanda e seus ensinamentos, atingindo não apenas os que frequentam nosso Templo, mas todos que se interessarem pela religião. Aqui você encontrará textos sobre rituais e normas de nossa Casa, reflexões da nossa Mentora, preleções das Entidades Chefes, temas desenvolvidos por médiuns da Corrente e de Saúde e Medicina Espiritual. Leia Mais
  • Nosso Livro

    O livro "Mensageiros da Espiritualidade" traz relatos ditados pelas Entidades Chefes e pela Mentora Espiritual do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde, em um manifesto aos seus filhos, frequentadores e à humanidade, sobre os preceitos e conduta que regem a Umbanda Sagrada nos dias atuais... Leia Mais
  • Conheça nossa página do FaceBook

    https://www.facebook.com/Templo-Espiritual-De-Umbanda-Caboclo-Pena-Verde-212423025776472/ Leia Mais

O Orixá Xangô (18/06/2012)

Orixá da Justiça, seu campo de atuação é a razão, despertando nos seres humanos o senso de equilíbrio, retidão, imparcialidade. Tudo que se refere a estudos, a justiça, demandas judiciais, ao direito, contratos, pertencem a Xangô.

Seu símbolo é o machado de metal de duas lâminas chamado Oxê. As duas lâminas significam que a justiça de Xangô vai ficar com aquele que for merecedor, porém sempre serão para os dois lados na medida certa de acordo com o merecimento de cada um. Portanto quando se pedir justiça, avalie bem todas as circunstâncias e tenha sempre consciência de que pode não ser o merecedor dela e que este merecimento possa estar do lado contrário.

Xangô é o Orixá que decide sabiamente entre o bem e o mal, com ponderação e neutralidade. Suas decisões são sempre corretas, sem interferências nem hesitação.

Xangô é a ideologia, a decisão, à vontade, a iniciativa e a objetividade. É a rigidez, organização, o trabalho, a discussão pela melhora, o progresso social e cultural, a voz do povo, o levante, à vontade de vencer, é a estratégia certa, justa e organizada. É o espírito nobre das pessoas, o chamado “sangue azul”, o poder de liderança. Para Xangô, a justiça está acima de tudo e, sem ela, nenhuma conquista vale a pena.

A justiça é um sentimento, e um valor nato e natural que vem com o espírito quando este encarna a matéria e deve ser estimulado desde os primeiros momentos do feto ainda em formação no útero da Mãe, e já ocupado pelo espírito. Este estímulo se dá através das ações e pensamentos dos Pais, agindo com o senso da justiça e do respeito para com todos e para com tudo, começando pela relação entre ambos, Pai e Mãe. E ao momento que a criança começa a ter noção do certo e errado, seu senso de respeito e justiça deve ser aguçado, fazendo respeitar seus limites e os limites dos outros, nunca invadir os espaços que não lhe pertence ou procurar tirar vantagem e proveito de situações para se favorecer em detrimento de outros, com a justificativa enganosa de que é somente uma criança e não tem noção do que faz, quando muito pelo contrário esta assimilando justamente a forma incorreta de agir. Caso esta criança não tenha um espírito de caráter definido, esta postura irá acompanha-lo pelo resto da vida, se achando no direito de sempre tirar vantagens de seu semelhante sem levar em consideração o prejuízo ou transtorno que possa estar causando. Com certeza, um dia em sua vida sofrerá um revés imposto pela justiça da vida, e todo o transtorno e sofrimento que causou se reverterá contra ele de alguma forma, inclusive atingido a saúde de sua matéria de maneira irreversível, e não ocorrendo neste plano, ocorrerá de forma muito mais intensa no tormento do espírito após desencarnar, bem como em uma próxima encarnação.

O ponto de força deste Orixá está na natureza, é o raio, o trovão, as rochas e a pedreira. Seu dia de maior vibração é a quarta-feira. Diz a lenda iorubá que ele foi rei na cidade de Oyó, portanto sua saudação é Kaô Kabecilê (que significa, venham saudar o rei)!

Dentro do calendário de homenagens aos Orixás e Entidades (que podem ver no Site Caboclo Pena Verde) de nosso Templo comemoramos este Orixá dentro do mês de junho e seu dia é 29 de Junho. Dependendo da região brasileira é sincretizado com São Jerônimo (devido à presença das formações rochosas, de um livro e do Leão, animal de forte associação com o Orixá), São Judas Tadeu (devido à presença do machado, e do livro), São João Batista (devido à semelhança de personalidade com o Orixá), São Pedro ou mesmo Santo Antonio.

Os filhos e filhas de Xangô possuem um elevado sentido da sua própria dignidade e das suas obrigações o que os leva a se comportarem com um misto de severidade e benevolência, segundo o humor do momento, mas sabendo guardar, geralmente um profundo e constante sentimento de justiça. São pessoas metódicas, equilibradas e tem facilidade nos estudos.

Escrito por Rossana Di Natali, Médium do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde em, 18/06/2012(colaboração de Carlos Feitosa).