• Seja bem vindo !

    Este site foi criado com o objetivo de divulgar a Umbanda e seus ensinamentos, atingindo não apenas os que frequentam nosso Templo, mas todos que se interessarem pela religião. Aqui você encontrará textos sobre rituais e normas de nossa Casa, reflexões da nossa Mentora, preleções das Entidades Chefes, temas desenvolvidos por médiuns da Corrente e de Saúde e Medicina Espiritual. Leia Mais
  • Nosso Livro

    O livro "Mensageiros da Espiritualidade" traz relatos ditados pelas Entidades Chefes e pela Mentora Espiritual do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde, em um manifesto aos seus filhos, frequentadores e à humanidade, sobre os preceitos e conduta que regem a Umbanda Sagrada nos dias atuais... Leia Mais
  • Conheça nossa página do FaceBook

    https://www.facebook.com/Templo-Espiritual-De-Umbanda-Caboclo-Pena-Verde-212423025776472/ Leia Mais

Definições de Firmeza

Como definir o que é firmeza.

Vamos imaginar alicerce, suporte, estrutura, pois bem: Porque aqueles grandes edifícios do Japão não caem? Porque tem alicerces bem construídos, cuidadosamente edificados, vem terremoto, vai terremoto eles balançam, mas não caem.

Porque um grande banco não quebra? Porque tem um grande suporte financeiro, uma base consistente e bem articulada.

Porque uma grande empresa não fecha? Porque tem uma boa estrutura industrial, comercial, administrativa competente e bem planejada, etc.

Porque o nosso Templo tem mais de 40 anos e continua crescendo? Porque tem um grande aparato e estrutura espiritual, séria e obstinada, tem comando forte no plano espiritual e em terra, poderia ter paredes de taipa, chão de terra batida e teto de sapé e mesmo assim teria se tornado grande como se tornou.

Baseados neste raciocínio talvez consigamos fazer entender o significado tão importante de firmeza.

Firmeza do nosso Terreiro

O nosso Templo possui assentamentos, que são pontos de energia, além da retaguarda espiritual de Direita e Esquerda, mas como tudo na vida precisa de manutenção e de vez em quando uma reforma, todas as quartas-feiras e qualquer outro momento de trabalho espiritual, o nosso templo é preparado para que tudo possa transcorrer da melhor forma possível.

Durante todo o dia um grande numero de espíritos trabalham com energia de limpeza, purificação, harmonização, equilíbrio, e segurança. Assim que o templo é aberto são feitas as firmezas de Direita e Esquerda com velas, para a Casa, para a nossa Babá, nosso Pai Pequeno e de todos os Filhos, e a cada vela que é acesa tem a vibração e a energia de cada um, além das velas, compõem o ritual de firmeza, a pipoca para Omolu/Obaluaê, as flores, e para a Esquerda, tradicionalmente é oferecida a bebida e comida, sendo que cada uma tem o seu significado energético.

E por fim, durante a abertura, a defumação que limpa e higieniza o ambiente, os Médiuns e todas as pessoas que lá sem encontram.

Pronto, o nosso Templo já esta preparado para acolher nossa Mãe de Santo, a seus Filhos e todas as pessoas que o procuram.

Abertura dos trabalhos da Gira e conduzi-los até seu termino, isso é alicerce, suporte e estrutura edificada a mais de 40 anos, e mantida a cada dia, a cada trabalho, a cada Gira. Por isso esta Casa é solida e chegou onde chegou, assim como irá muito além, tornando-se marco da firmeza que um Templo tem que ter.

Firmeza Individual

Seguindo o raciocínio anterior, alicerce, suporte e estrutura, é o que nos mantém em pé para cumprirmos a nossa missão neste plano. E isso é fácil de comprovar, pois todas as vezes que nos propomos a enfrentar um problema, mesmo aqueles mais difíceis, de frente e com determinação sempre achamos uma solução.

E a firmeza não se encontra em nenhum outro lugar que não seja dentro de nós mesmos, e sempre a estimulamos quando olhamos para os nossos defeitos com o propósito de corrigi-los, e quando entendemos que a maioria dos nossos problemas são colocados em nosso caminho, com algum propósito maior ou foi por obra das nossas próprias escolhas. Quando me refiro a nós estou considerando a todos, Médiuns e Assistência.

Firmeza e Mediunidade

O que desenvolver primeiro, a mediunidade ou a firmeza?

Vamos seguir outro raciocínio:

Por exemplo: se alguém procurar uma academia para aprender e praticar o Box, se for uma academia séria, o professor vai em primeiro lugar preparar o aluno fisicamente, em seguida vai ensiná-lo as esquivas, as defesas e as regras do esporte, para só depois que estiver bem preparado fisicamente e sabendo se defender, conhecendo os principais fundamentos e a correta aplicação dos golpes, poder praticá-lo de fato. Com a mediunidade, creio que deve ser igual, desenvolver a firmeza, conhecer os fundamentos e a postura correta, para depois desenvolver a incorporação.

Para desenvolver a Firmeza seguem algumas dicas:

Em primeiro lugar tirar toda ansiedade e pressa, a espiritualidade conhece o tempo de cada um e cada um tem o seu, com diferenças de tempo e formas de manifestar a sensibilidade mediúnica.

Procurar conhecer bem os fundamentos, normas e regras da nossa religião e entender porque fomos levados a um Terreiro, qual é a nossa missão, ter em mente que mediunidade é assunto sério e como tal deve ser tratada e respeitada.

Tirar de dentro de nós a vaidade, o orgulho e a prepotência, e no seu lugar colocar humildade e seriedade, estamos neste plano, nesta vida para aprender, e como diz um ditado popular, “não existe ninguém tão grande que não tenha o que aprender e ninguém tão pequeno que não tenha o que ensinar”.

E acrescentar a tudo isso, comprometimento, responsabilidade e respeito. Na minha humilde opinião não existe corpo fechado. Mediunidade é ter o corpo aberto para o universo, porém só entra nele o que você permitir.

Texto escrito por Milton Norgini, Médium do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde em 21/05/2013.