• Seja bem vindo !

    Este site foi criado com o objetivo de divulgar a Umbanda e seus ensinamentos, atingindo não apenas os que frequentam nosso Templo, mas todos que se interessarem pela religião. Aqui você encontrará textos sobre rituais e normas de nossa Casa, reflexões da nossa Mentora, preleções das Entidades Chefes, temas desenvolvidos por médiuns da Corrente e de Saúde e Medicina Espiritual. Leia Mais
  • Nosso Livro

    O livro "Mensageiros da Espiritualidade" traz relatos ditados pelas Entidades Chefes e pela Mentora Espiritual do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde, em um manifesto aos seus filhos, frequentadores e à humanidade, sobre os preceitos e conduta que regem a Umbanda Sagrada nos dias atuais... Leia Mais
  • Conheça nossa página do FaceBook

    https://www.facebook.com/Templo-Espiritual-De-Umbanda-Caboclo-Pena-Verde-212423025776472/ Leia Mais

Mensagem da Mentora Anna aos filhos

Hoje eu recebi a homenagem de todos os filhos me oferecendo a luz e essa luz que recebi, gostaria de devolve-la em forma de uma estrela para iluminar a cada filho da corrente do Pena Verde.

Todos devem saber o significado da luz..

Luz é paz no seu interior

Luz é amor

Luz é respeito com o próximo

Luz é a vida

Luz ilumina os caminhos de cada um

Luz é o pensar

Luz é o agir nas atitudes e decisões com sabedoria

Luz é o falar

Luz é o sorrir

Luz é a energia

Luz é o comprometimento

Luz é o saber

Luz é o participar

Luz é ajuda

Luz é reconhecer os erros e transforma-los em perdão através da humildade.

Vocês são iluminados pela a espiritualidade para levar aos necessitados a luz da fé e sempre serão a luz de Oxalá para transformar a estrela brilhante do amor e da vitória, conforme o merecimento de cada um.

A luz é a energia que deverá ser mantida com vocês.

Tudo se envolve em luz, pensem nisso!.

Fiquem sempre iluminados, não deixem que essa luz se apague nos momentos de fragilidades e desafios. Todos vocês vão precisar dessa luz intensa, para assim assumirem cada um a sua missão dentro espiritualidade.

Eu sou a luz

Eu sou o amor....

Mensagem Anna Dorto,  pela médium Vani Macedo em outubro de 2018.

2019 Ano de Ogum

Oxalá é a sabedoria... Xangô é a consciência, é a tradução da sabedoria de Oxalá para nosso conhecimento... E Ogum é a ação, colocar em prática a sabedoria de Oxalá uma vez que ela seja consciente.

Após o ano regido por Xangô, que trouxe à luz tantos conhecimentos e a consciência do certo e da coletividade, após expor tantos atos contrários à evolução e criar uma revolta coletiva e a reflexão do que realmente queremos para nós e para nosso mundo é a vez de Ogum trazer sua força de ação, de nos impulsionar a colocar em prática tudo aquilo que aprendemos nesses anos que passaram e de buscarmos nossa felicidade e evolução.

É hora de deixarmos de ser vítimas, e passarmos a ser nossos comandantes, donos de nossos destinos. Mas a ação justa e consciente de nossas limitações e do espaço alheio, com respeito a nós mesmos e ao outro.

Uma ação em pró do bem individual e coletivo também. Nada é mais gratificante do que poder ajudar um irmão, é o que dá sentido à nossa missão em terra e que nos dá satisfação pessoal. Mas para ajudar o próximo, temos que primeiro estar bem conosco, antes de colocar a máscara de oxigênio em outra pessoa em um acidente de avião, é necessário colocar a nossa primeiro, senão não ajudaremos ninguém.

Portanto o primeiro passo da ação, é o autoconhecimento e autoavaliação para iniciarmos nos ajudando, agindo da melhor maneira para atingirmos nosso bem estar.Ninguém melhor que Ogum para nos auxiliar nesse caminho, ele que vive em cada um de nós, dando força e armas pra prosseguirmos e perseverarmos. E depois desse bem estar pessoal, podemos agir em pró da nossa sociedade, daqueles que mais precisam e de todos a nossa volta.

Podemos começar com uma atitude mais positiva em nossas vidas, sendo gratos pelo que somos e temos, parando de reclamar de tudo, já que estamos exatamente onde escolhemos estar, se não consciente mas inconscientemente, e tratando melhor aqueles a nossa volta.

Chegamos na data limite segundo Chico Xavier pra mostrarmos nossa evolução e capacidade de benevolência para os irmãos de outros planos, e os Orixás se organizaram para nos ajudarem nessa missão, portanto vamos fazer nossa parte.

Sejamos benevolentes com nosso corpo e espírito e tratemos com amor e paciência nossos irmãos. Nesse ano, ao invés de continuarmos em busca de nossa felicidade como se fôssemos encontrá-la nos esperando em algum lugar, vamos construir nossa felicidade, com o suor da ação e acumulando aprendizado.

Energias

Nós fomos criados por Deus a sua imagem e semelhança, portanto somos todos espíritos, porém para percorrer a nossa aventura neste plano, que é viver, nos foi dado um veículo que é o nosso corpo físico. Se o nosso espírito foi criado por Deus e o nosso corpo físico foi moldado aqui neste planeta, somos todos filhos da Terra, e estamos andando por este planeta há milênios, provavelmente já vivemos aqui várias outras vidas, e estamos nos adaptando a ele assim como ele tem se adaptado a nós para continuar fornecendo tudo aquilo que necessitamos para a nossa jornada.

Leia mais:Energias

Pelo amor ou pela dor

Quantas vezes já escutamos que encontramos uma religião no terreiro movidos pela dor ou pelo amor, e sem dúvida a maior parte das vezes pela dor... Na realidade, as duas opções são apenas uma, nossas escolhas nos levam ao terreiro. Nossa escolha nos leva a dor ou ao amor.

Leia mais:Pelo amor ou pela dor

As lições de Nana Buruque

Essa segunda foi nosso dia de energização da linha médica, fui pra casa agradecendo e refletindo, todos os rituais de nossa amada Umbanda são maravilhosos, mas esse é o único em que não temos uma função específica de trabalho, não precisamos nos atentar e cuidar de nada além de nós mesmos.

Como é raro, nos dias de hoje, termos TEMPO pra silenciar e ouvir nossa alma, a introspeção que nos faz conectar com a nossa essência mais verdadeira, com as nossas necessidades, com os nossos monstros internos e com a nossa potência de cura, há um mundo dentro de nós, e cada vez mais que nos voltamos pra fora sem nos conectar antes com o de dentro fazemos as coisas automaticamente, sem a reflexão e a energia que é necessária, assim é Nanã, trabalha no SILÊNCIO de nossas almas!

O mangue e águas paradas de seu ponto de força trazem esse símbolo, a paciência e a serenidade só é atingível se conseguirmos exercitar a nossa capacidade de observar, ponderar, refletir, silenciar, antes de agir, eis o desafio maior de nossos tempos modernos!

Que Nanã nos ajude a navegar pelas águas de nossa alma, com sua sabedoria nos faça flutuar e resgatar a PAZ que reside em cada um de nós! 

pela médium Isadora

 

No mês de Nanã, vamos nos permitir a se espelhar nela e trazer para nosso dia a dia, sua paciência, uma virtude do ser humano baseado no auto controle emocional, que por sua vez , vai nos conectar também a sua calma e ponderação. Então, vamos colocar em nossa vida, essas palavras, para podermos passar com mais suavidade por cada obstáculo que vir a surgir.

Isso serve para qualquer lugar, casa , trabalho, amigos, colegas, vizinhos, sim qualquer lugar. Assim vamos ter e compreender, mais sobre nós e sobre os que estão a nossa volta.

Será que temos Auto controle? Então vamos colocar em prática a Paciência? Dessa forma vamos nos conectar ainda mais com a essência de Nanã.

pela médium Zuleica

 

Li sobre uma lenda de Nanã que diz que ela teve seu filho primogênito com Oxalá e o abandonou no mar pois nasceu com várias doenças na pele... Oxalá para castigá-la, condenou-a a ter mais filhos, todos eles anormais, e a expulsou do reino, ordenando-lhe que fosse viver no pântano escuro e sombrio...

Orixá das águas paradas.

Nanã significa raiz, aquela que se encontra no centro da terra... Responsável pelos portais de entrada e saída (reencarnação e desencarne) ...

A Avó da Umbanda, aquela que detém em seu ponto forte a paciência, o auto controle e a sabedoria que só os mais velhos possuem, por ter vivido mais tempo...

E nós? Aprendemos o que no mês de Nana? E nós? Além de tirarmos a lição de união e família da história de vida de Nanã, devemos nos ater a exercitar sua benevolência, paciência! Ter a consciência que o silêncio as vezes é a melhor saída!

Tragamos Nana no coração para que aceitemos as provações do caminho com a fé que aprendemos na Umbanda. A fé inabalável No fim de tudo sairemos vitoriosos pois trazemos Nana no coração!!! Mês de recomeçar, perdoar, levar adiante o amor que sentimos quando Nana vem em terra...

pela médium Maura 

 

Eu sinto em Nanã a senhora que já soube ser Oxum, Iemanjá e Iansã

A doce Oxum que com o tempo aprendeu a equilibrar a sensibilidade e o amor,

a vital Iemanjá que gerou vidas, teve posse delas mas aprendeu a deixar os filhos seguirem seus próprios caminhos,

a vigorosa Iansã que aprendeu em dias de tempestades a encontrar na água represada o manto que acalma, consola, ouve, paralisa e transforma.

Eu sinto em Nanã o alcance da sabedoria que há em tudo. E ela mesmo trazendo toda essa sabedoria é ainda a água e a terra, a evolução e transmutação , é o sexto sentido na luz da Umbanda, é para nós a vó, a vela e contas azulão é AMOR.

pela Médium Juliana

  

RENASCER

Neste mês de Nana, início do 2o semestre do ano, acredito que devamos pensar e entender que ela realmente quer nos ver Renascer.

Por que olho Nanã sobre este prisma?

Não é ela quem cuida de libertar o Espírito do Corpo, encaminhando o Espírito em sua viagem e cuida do Corpo (matéria) para que volte a ser Água e Terra, dois dos Elementais de nossa Terra?

Agora vejam que esta é a Oportunidade que ela dá a Todos os Espíritos de desencarnarem. Agora vejam que ela também utiliza da Água, Terra e também do Ar para dar Corpo a um Espírito que está na viagem de Volta para Reencarnar.

Vejam que ela atende a um Pedido de Oxalá para preparar este novo Corpo, uma nova chance de Renascer e ser Melhor do que antes.

Esta é Nanã.

Vamos todos Renascer neste Novo Período do Ano, sermos melhores com Nós Mesmos, sem medos, mentiras, rancores, mágoas, negligências e sim nos Amarmos mais.

Saluba Nanã

pelo médium Luis Carlos Magalhães 

 

 

MEUS VOTOS DE FIM DE ANO: EM 2019 SEJA MAIS NATALINO!

Propositadamente e fugindo um pouco das tradições, envio meus votos de fim de ano após o Natal. Faço isso pelo simples motivo de as pessoas serem “bombardeadas” de mensagens de Natal antes do feriado, fazendo, felizmente, com que elas reflitam, mesmo que a curto prazo, sobre o dia 25 de dezembro. Muitas mensagens são lindas, realmente nos acrescentando algo. Outras, mais simplórias, apenas nos desejam um Natal feliz, tendo também o seu valor. Porém, são tantas mensagens, tantos dizeres, que mesmo palavras simples como “Boas Festas” entram em nossa mente e lá se instalam, fazendo com que, mesmo que inconscientemente, as pessoas busquem uma noite de Natal repleta de paz. “Feliz Natal” escrito em anúncios, “Boas Festas” em ônibus, novelas e propagandas falando sobre fim de ano, filmes dessa época... tudo isso cria em nossas mentes uma necessidade inconsciente de termos um Natal realmente feliz.

Ótimo! Isso realmente é muito bom e falo isso isento de qualquer ironia. Basta reparar o quanto você se esforçou para ter uma noite agradável. Comprou presentes, preparou a comida, escolheu uma roupa bonita... Mesmo que estivesse pensando ser uma obrigação comprar presente para tal pessoa ou para tal parente, até porque você irá trocar presentes... “Vou comprar uma lembrancinha” e quando se vê comprou um presente bacana. Mesmo que fazendo a contra gosto ou por “obrigação” você estava, inconscientemente, almejando um Natal feliz. E de fato você o teve. Se deslocou até a casa de algum parente, por vezes reclamando ou preferindo estar com outras pessoas naquela noite, mas foi. Foi e comeu bem, deu risadas, trocou presentes, relembrou de histórias do passado, de entes queridos que já desencarnaram, contaram histórias, recordaram de outros Natais (os quais também foram felizes, assim como está sendo o do presente), fez piadas, abraçou, beijou, orou à meia-noite, sorriu, fez a piada do “sentar no colo do papai noel”, brincou de trocar as sacolas dos presentes, alguns fizeram amigo secreto...

Quanta coisa... Quanta alegria... E a noite de Natal foi feliz, na mesma proporção em que foi rápida. Despede-se na madrugada, acorda alguém que dormiu no sofá, espera alguém procurar o tênis ou celular, entra no carro e volta pra casa pensando o quanto a noite foi boa e o quanto as “obrigações” se transformaram em prazer. Cansado, deita na cama com o estômago cheio de tanto comer e com a mente cheia de tanto sorrir... Algumas famílias se reunem novamente para almoçar no dia seguinte e as cenas se repetem.

Porém, passa-se o Natal, chega o dia 26 de dezembro e tudo isso é esquecido. Em poucos dias volta-se a pensar mal das pessoas, conviver com alguns parentes volta a se tornar obrigação, encontrar algumas pessoas volta a ser desconfortável... Tudo volta, assim como o Natal voltará no ano seguinte, na mesma época e as cenas acima se repetirão. É uma pena que para algumas pessoas o Natal dure apenas um dia. É uma pena que as pessoas se esforcem para ter uma noite feliz apenas por um dia durante o ano. Triste que o bombardeio atinja a mente do ser humano apenas quando há interesse econômico por trás, a venda de presentes.

Ah se o Natal durasse um ano, como o mundo seria melhor.

Ah se as pessoas esquecessem mágoas para ter dias felizes.

Ah... O que no início seria um suplício, uma obrigação, no final foi uma alegria, um prazer. “Que noite gostosa... O Fulano é um barato mesmo, né?!”. Sim, o fulano é um cara bacana, o mesmo fulano que você teve que comprar um presente por “obrigação”, aquela “lembrancinha”, lembra? Pois é, quantas risadas vocês deram juntos nesse Natal feliz... Aquela pessoa que seria extremamente desconfortante ter que conversar ou até mesmo cumprimentar passou a ser “uma pessoa boa, que tem os seus problemas... Coitadinha dela...”. A obrigatória troca de presentes renderam boas risadas, mesmo que com as mesmas piadas de todo ano. Foram risadas!

À meia-noite os abraços foram sinceros, as lágrimas foram puras, com uma mistura de alegria, emoção e saudade daqueles que se foram. No fundo, as lágrimas foram de saudades do passado, do passado alegre, do passado em que não havia essas obrigações, do passado das viagens, das aventuras, do passado das crianças... Saudade dos tempos bons, dos tempos do passado... Assim como largaram-se as memórias boas no passado, largam-se os princípios do Natal no passado dia 25 de dezembro... E pelos próximo 364 dias, até o Natal seguinte, esquece-se que o Fulano é um cara bacana e que pessoas com problemas realmente têm problemas. Traz-se de volta ao dia-a-dia a obrigação da convivência, a desconfortável convivência. O presente que antes era bom agora já não o é tão assim, até porque “esse presente só podia ter vindo daquela pessoa mesmo...”. Por orgulho, por conforto ou mesmo por birra o ser humano traz de volta ao seus sentimentos o repúdio a certas pessoas, as mágoas sobre acontecimentos passados (por vezes fatos simples que nem mereciam destaque), o rancor de erros cometidos no passado, os quais, segundo os SEUS conceitos, são imperdoáveis.

Volta-se à rotina das obrigações e esvazia-se a mente dos bons sentimentos. Por alguns dias as boas sensações da feliz noite de Natal ainda prevalecem nos pensamentos das pessoas, mas logo o ego as expulsa.

Agora, cabe algumas perguntas: Por que tanto esforço para se ter uma boa convivência apenas no Natal? Por que não assumir que a noite de Natal foi tão boa quanto as histórias do passado e buscar isso mais vezes durante o ano? Por que não esquecer mágoas mais vezes? Por que carregar rancor por tanto tempo e deixá-lo de lado apenas no Natal? Por que? Por que o “espírito” de Natal acaba no Natal? Pare pra pensar o quanto as boas sensações do Natal lhe fizeram bem nesses últimos dias... E antes de pensar o que vai fazer no ano novo, se vai comer lentilhas, uvas, pular ondas, vestir cueca ou calcinha novos, vestir branco ou colorido ou trocar a folha de louro da carteira, reflita sobre o que você realmente deseja para o ano que vem.

Não falo em refletir sobre ler mais livros, comer mais frutas, entrar na academia, estudar mais, trabalhar menos... Falo em duas opções: ter um Natal por ano ou ter um ano de Natais. Deseje coisas boas, mas deseje de verdade. Não pule ondinhas pensando em “saúde”, não engula a lentilha pensando em “dinheiro”, não ponha sete uvas na boca pensando em “paz”. Deseje algo verdadeiro, não se deixe dominar por clichês. Se for pular ondas não dê tanta atenção a quantas ondas já foram e sim sinta a água do mar bater em seus pés e peça a Deus, a Oxalá, a Iemanjá (seja qual for sua crença naquele momento) que as ondas levem de ti todo aquele rancor que carregara durante o ano inteiro, que limpe seus pensamentos de índoles negativas, que leve para o fundo do mar todas as suas mágoas.

Olhe para o céu e peça que a Lua ilumine seus momentos de escuridão, seus deslizes, e que as estrelas lhe guiem sempre para o melhor caminho da vida.

Se estiver onde há queima de fogos, feche os olhos e sinta como se algo estivesse explodindo dentro de você, que todos os sentimentos negativos contra si e contra outras pessoas queimem e deixem de existir dentro de você no ano que entra, libertando-o desses empecilhos da vida. Que cada novo estouro liberte dentro de você sentimentos de paz, de alegria, que estoure dentro de você sua criança.

Deseje de verdade.

Deseje, antes de tudo que você consiga deixar de lado o seu orgulho, que você consiga assumir seus erros. Não use apenas roupas íntimas novas, “use” condutas novas.

Permita-se, no ano que entra, ser mais humano. Assuma suas condutas com plena consciência de suas consequências, sejam elas a curto ou a longo prazo. Entenda que frente a adversidades da vida a culpa nunca está apenas de um lado e que para que a situação se resolva a humildade deve reger o primeiro passo.

Deseje que nesse novo ano você tenha mais noites de Natal e vá em busca disso.

Reconheça o quanto o último dia 25 lhe fez bem e esforce-se para tal. Tenha a humildade de buscar mais Natais, deixando de lado o que seu ego diz. Deseje mais noites de Natal às pessoas.

Durante todo o ano troque sentimentos, seja criança, seja puro e verdadeiro. Traga de volta a magia das histórias do passado e crie novas alegrias no presente, para que em um futuro próximo você tenha mais histórias do passado para relembrar.

Em 2019, seja mais natalino!

 

Pelo médium Ricardo Moreno.

Dia de Xangô

Orixá que nos orienta a sermos justos.

Primeiro com nós mesmos. Como assim?

Tudo o que você cobra do outro é o mesmo que você cobra de você?

Você sabe ouvir para ser ouvido?

Você dá carinho para receber carinho?

O seu desejo num cumprimento é Verdadeiro, quando fala bom dia para alguém você quer mesmo que ele tenha um bom dia?

As suas palavras são verdadeiras ou você só as joga ao vento?

Você abraça constantemente as pessoas para poder receber abraços delas?

Em vez de reclamar que não recebeu orientação você buscou por livre vontade o conhecimento?

Você diz que não aquenta mais ficar sozinho mas abriu seu coração sem medo para alguém?

A Justiça não refere-se só a Lei do Homem mas sim a Lei do Universo.

Lembre-se temos que Plantar para Colher; Temos que Dar para Receber, temos que Compartilhar para sermos convidados a receber a nossa parte.

Não adianta fazer com objetivo de receber algo em troca pois os Orixás não barganham.

Dar, Doar, Compartilhar são atos Fraternos e se faz pelo simples motivo de ficarmos felizes em fazê-lo.

Amar pelo simples prazer de alimentar a nossa Alma.

Ser Justo pelo simples fato de ser está a Verdade.

 

Sarava Xangô

Que médium sou eu?

 

Em qualquer Terreiro de Umbanda ou Casa Sagrada em que ocorram atendimentos e trabalhos religiosos a dinâmica de organização e rotina envolvem pessoas. Quando isso ocorre podemos contar com algumas características que fazem parte ainda do desenvolvimento humano e que estão impregnadas à faixa vibratória em que nos encontramos aqui na Terra, ou seja, que estão presentes em nossa forma de ser e viver no mundo. São elas:

- Soberbia/Arrogância

É o médium que acha que tem mais valor que o outro seja por sua função na corrente, seja por incorporar um Mentor de Luz específico, por ações que resultaram em êxito no trabalho espiritual, seja por seu tempo de experiências mediúnicas ou mesmo por ter títulos, condição financeira ou intelectual ou qualquer outro atributo que ache importante.

É o médium que tem a vaidade e o orgulho enaltecidos, desenvolvendo uma postura de desvalorização do outro, pois aos seus olhos ele sempre é o melhor, o mais capaz e o imprescindível aos andamentos dos trabalhos.

Leia mais:Que médium sou eu?

Esquerda da Umbanda, um espelho nosso

Me foi alertado que precisava fortalecer minha esquerda, conhecer meu lado sombra, firmar minha proteção. E comecei a me questionar o que isso significava e como faria isso. Então comecei obedecendo o que me mandavam fazer... até que durante esse trajeto entendi o que tudo isso significava, entendi o que a Esquerda significa, então seguem minhas percepções.

Leia mais:Esquerda da Umbanda, um espelho nosso

Humildade

Inspirados em nossos grandes exemplos de humildade que são os pretos-velhos, seguem reflexões dos filhos da casa sobre o tema.

 

Por Isadora:

Saravá os nossos amados pretos velhos e suas lições de vida, sempre com muito amor, fé e humildade, nos trazem a mensagem de que ninguém é melhor ou pior que ninguém, tratar ao próximo como a si mesmo, aprendendo que cada um tem o seu valor, cada um em sua missão e evolução!

Humildade também é saber o nosso limite, não somos nem seremos nunca autossuficientes, a interdependência que temos uns com os outros é o que nos constitui, ninguém se faz sozinho e se estamos em sociedade é para aprendermos e crescermos uns com os outros, exercitarmos o respeito e o amor de sermos verdadeiramente UMA BANDA. 

Leia mais:Humildade

Consciência Espiritual

 O que seria isso?

Como Umbandista sabemos que somos um Espírito ocupando a matéria que chamamos de Corpo.

A nossa estada neste plano tem como objetivo Educar o Espírito, nos Educar a sermos melhores do que fomos nas outras encarnações aprendendo a Respeitar o outro como a si mesmo, o Outro significa todos os semelhantes e não só a família e os amigos.

Trabalhar para Receber, sim porque o Receber está ligado ao Merecer, sem a função de Troca mas sim de Conquista.

Perseverar, não é Insistir e sim Não Desistir. Não Desistir do Trabalho, da Conquista deste, dos Pais, dos Filhos, do Companheiro/ Companheira, do Outro.

Ser Fraternal, Cuidar do Outro, Cuidar da Natureza, dos Animais, dos Recursos Naturais, pois tudo está aí colocado por Deus para que possamos aprender a Cuidar, pelo simples sentimento assim sendo feito fortaleceremos a Alma.

Entender que as Espiritualidade através dos Orixás e Entidades estão presentes entre nós Como Educadores de Nossa Evolução e não como mercantilistas para fazerem troca como só dou se receber ou se eu receber eu dou.

Fé na Alma, muito mais que Acreditar e Pratica diária, nas 24horas do dia que quanto mais eu Praticar mais irei Aprender e assim Evoluir como Espírito.

PERDOAR como o único remédio de Cura da Alma.

AMAR a Tudo e a Todos pois assim, aprendendo cada um dos passos acima terá atingido a Consciência Espiritual e pronto para seguir na Evolução como Espírito.

 

pelo médium Luiz Carlos Magalhães 

QUARESMA UMA JANELA DE OPORTUNIDADE

Na liga dos campeões e no campeonato brasileiro existe a janela de transferência, que é o período em que o atleta pode mudar de time.

Essa mudança é a oportunidade que o atleta tem de ir para um outro clube, para uma outra cidade, um outro país, uma nova equipe, trabalhar com outros profissionais, ter contato com uma nova torcida.

Tudo isso tem como objetivo melhorar tecnicamente, profissionalmente e financeiramente, ou seja, ganhar experiência e evoluir na sua carreira.

Da mesma maneira a quaresma também é uma janela de oportunidade que os vários espíritos “errantes” têm para mudar de time, reconhecer que na posição em que jogam não estão levando a lugar nenhum, muito pelo contrário estão regredindo, e no jogo da espiritualidade não existe outro resultado senão a evolução, resistindo ou não, um dia todos vão ter que chegar lá.

Como os atletas que tem a disposição uma equipe de profissionais para assessorá-los estes espíritos, se através do seu livre arbítrio, decidirem mudar, também vão contar como uma equipe de espíritos de luz para orientá-los para o retorno ao caminho da evolução.

Nós também somos espíritos, porém com a diferença de estarmos encarnados, e vale lembrar que a nossa janela de oportunidade é hoje e todos os dias, pois a maioria de nós construiu cada um a sua maneira o nosso umbral particular, com camadas de orgulho, vaidade, inveja, arrogância, prepotência e vários outros sentimentos, onde escondemos os nossos medos e defeitos.

Dois dos nomes dessa janela são: humildade e coragem.

Humildade para reconhecer que a maioria dos nossos problemas tem como principal causador nós mesmos, reconhecer a nossa miopia perante o mundo, as pessoas e as coisas que nos cercam e coragem para sairmos da nossa zona de conforto e fazer as mudanças internas.

Só mudamos as nossas atitudes quando mudarmos os nossos valores, pois a solução para a maioria das coisas que nos aflige começa por nós mesmos.

Escrito pelo médium Milton Norgini

 

O leme da vida

Sempre vai vir alguma tempestade em nossas vidas, sempre. É nessas horas que muitas vezes você tem que desligar o motor da embarcação e aguardar sem pressa. Deixar se levar somente pelo balanço das ondas e refletir qual decisão tomar.

Algumas vezes você vai perceber que a rota que você escolheu não era tão simples e rápida como pensou, é quando percebe que tem que mudar de estratégia e talvez até a rota, talvez dar uma volta maior com mais obstáculos para conseguir chegar ao seu destino.

E nesta mudança de rota, não reclamar e nem se culpar e nem procurar culpados e sim curtir o caminho, sentir tudo que nele existe, aproveitar tudo, e digo, tudo mesmo, contemplar o céu azul, o sol, a lua, as ondas, a calmaria, o balanço e até os enjoos. Mas sempre seguir em frente e saber que o porto seguro existe dentro de você, sempre procurando se sentir feliz.

Não se importar se o porto que irá chegar é grande, pequeno, bonito, feio, se tem alguém te esperando ou se vai conhecer gente nova. O importante é você estar em paz com você. Apenas curtindo a viagem da vida.

Mensagem do marinheiro Renan Entidade de trabalho do Pena Verde (médium Valquíria Campos)

Recomeço

Tudo o que aprendi sobre a espiritualidade foi no Terreiro; tenho muito ainda que aprender, mas uma coisa que para mim é muito clara é que a espiritualidade é inteligente, organizada, planejada, objetiva, prática, rápida e extremamente simples.

Para chegar a esta conclusão eu poderia enumerar vários exemplos, mas para não alongar este texto vou citar só um, que todo mundo já teve a oportunidade de presenciar: são as preleções das Entidades chefes, que em cinco minutos e com meia dúzia de palavras conseguem tocar o coração de todos nós, Filhos da corrente e Assistência, mostrando os nossos problemas, os motivos e a solução.

E isso me faz questionar os excessos que nós, médiuns, muitas vezes cometemos; talvez por insegurança e pela necessidade que temos de estar em evidência e nos fazer importantes.

Pura bobagem. O motivo da maioria de nós estarmos de branco é porque estamos atrasados em nossa evolução e, portanto temos muito mais o que aprender.

E aí ultrapassamos e nos afastamos das nossas Entidades e Mentores, e começamos transformar uma coisa que deveria ser simples em algo complexo, com rituais, energizações, coreografias, e vários outros “salamaleques”, que na minha modesta opinião não tem a menor aplicação prática, a não ser perder tempo.

O nosso Terreiro é um local sagrado, onde a espiritualidade prepara este ambiente antecipadamente para os trabalhos de segunda e quarta. Para conferir é só entrar na corrente, relaxar, e se concentrar para sentir toda essa energia, que, aliás, é o nosso material de trabalho, de resto é só seguir o que está na apostila.

Temos que ter em mente que nós médiuns somos os instrumentos que a Espiritualidade precisa; somos o canal para que as nossas Entidades e Mentores possam trabalhar.

E o que eles esperam de nós?

Um médium equilibrado que, como eles esteja disposto, com muita humildade, a aprender e cumprir a sua missão que nada mais é do que o crescimento espiritual, de maneira inteligente, organizada, planejada, prática, rápida e simples.

Escrito pelo médium Milton Norgini.

 

 

Oxóssi, caçador

Oxóssi é caçador

Por que Caçador?

Ele vai buscar o que você não tem e precisa como alimento do corpo e também da Fé.

Mas ele também pode caçar aquilo que você tem dentro de você e não despertou ainda, não deixou sair.

Ele tem a capacidade de enxergar dentro do espaço mais profundo de sua Alma no intuito de você se purificar como tratando o que te aflige.Assim você terá conhecimento da dor da Alma para tratar o mau e poder tornar-se melhor.

Com suas flechas disparadas no ar ele provoca a Luz para que você enxergue os seus defeitos e ou males para se tratar.

Nós só conseguimos mudar tratar e melhorar quando enxergamos nossos deficiências e males.

Oxóssi vem para te ajudar a ser um Homem melhor assim como Iluminar a tua Fé.

Sarava Oxóssi

Oxóssi é Caçador

Oxóssi é Caçador

Sarava Caboclo Pena Verde de Oxóssi.

 

Escrito por Luis Carlos Magalhães

2018 Ano de Xangô

Novo ano se inicia, 2018, renovando as esperanças e energias pra seguirmos nossas batalhas. E mais que isso, esse ano será regido por Xangô e quando soube disso logo vieram os comentários, finalmente a justiça será feita. Afinal quem deve paga e quem merece recebe.Então todos se colocam como merecedores e já pensam em diversos devedores que irão pagar esse ano.

O que não pensamos é que nossa justiça não é a mesma de Xangô. Não esqueçam que o machado de Xangô tem dois lados para que ele possa avaliar de maneira igual os dois lados para encontrar a verdadeira justiça.

Somos todos devedores.

 

Leia mais:2018 Ano de Xangô

Umbanda sem mistérios

 “E quando pisar no terreiro

Procure primeiro saber quem eu sou

Respeite quem pode chegar onde a gente chegou “

Nós, médiuns, cada vez mais nos cobramos e cobramos daqueles que doam seus tempos para virem nos ajudar e ensinar, que adivinhem o futuro, que respondam a todos os questionamentos e que façam milagres.Por que achamos que a Umbanda nos deve uma sabedoria além das que precisamos. A religião tem o objetivo de nos confortar e nos dar sustento e conhecimento para passarmos pelos obstáculos e provações de nossas vidas e não de preveni-los e afastá-los de nossos caminhos.

Leia mais:Umbanda sem mistérios

"DESTRALHAR"

Significa tirar da vida aquilo que não faz mais sentido e manter o que tem significado.

Sentimentos, pensamentos, atividades, projetos, situações.

Você irá perceber que algumas coisas serão difíceis e haverá resistência. Mas saiba que este martelinho ficará no cantinho de sua memória e você vai precisar se livrar.

Vamos! Dê o primeiro passo.

Veja bem, seja coerente com seus valores, propósitos, e com o que não tem mais nada a ver ou o que já foi resolvido.Vamos lá!!!

- O que você cansou e não quer mais? 

- O que lhe preocupa ultimamente?

- Que pessoas você não quer que façam parte de sua vida?

- Um problema de saúde, no trabalho, em casa, que você não quer mais?

- Um projeto (apenas um) que você quer muito e um que não faz mais sentido ou está resolvido?

- Duas coisas(só 2) na sua rotina que podem ser melhoradas?

Ufa!!! Veja, dê o primeiro passo!

 

Texto de Rosária Tomé, médium do TEUCPV

Iansã em seu dia de festa

Iansã em seu dia de festa

Minha mãe é Oyá!

Minha mãe é Valente, de temperamento forte como alguém que sabe o que quer ou às vezes, negativamente como alguém que não aceita algo, ela é livre como o vento e de tantas coisas lindas que vejo e sinto nela a INDEPENDÊNCIA é a vibração que me enche o coração de orgulho. Iansã é dona da minha coroa, dona do lar Pena Verde onde encontro refúgio, dona das coroas de mulheres que irradiam luz e têm em suas missões trazer entendimento sobre o Real viver no bem, Ana, Sônia e Renata.

Iansã na mitologia Yorubá era esposa de Ogum mas Xangô é seu grande amor.O que eu entendo por isso?

Ela amava a lei e a ordem que coloca tudo em seu devido lugar, mas nada para ela é tão mais lúcido do que a Justiça.Veja a reação de uma filha de Iansã sobre algo errado, principalmente quando alguém é muito prejudicado em favor de outro injustamente.

É fúria! 

Olhem para o céu em um dia de tempestade... É ela, minha mãe Espere passar e verá o céu limpo e o ar fresco porque assim como a tempestade ela precisa explodir para então absorver, transmutar algo ruim em um aprendizado.Quando os trovões ecoam é Xangô tentando acalmá-la

Veja o nascer do sol, é Iansã!

Veja o pôr do sol em um céu rosado, é Iansã!

Sinta a vibração de Iansã ao som dos atabaques, ela te levanta, ergue tua cabeça, te faz honra e te ergue para que andes para frente.

Eu sou de Iansã!

 

Texto de Juliana Dantas, médium do TEUCPV

Feliz dia das crianças!

Crianças deixam o coração mais forte, a casa mais barulhenta, a mãe mais sonolenta.

A poupança menor, a noite maior.

As roupas mais batidas, a tristeza mais contida, a família mais agradecida.

O carro mais sujo, a sala mais bagunçada, a vida tão abençoada.

A gratidão mais clara de ver, a oração mais fácil de crer, o caminho mais bonito a percorrer.

O futuro melhor para sonhar, e a alma...

A alma muito maior para amar.

Feliz dia das crianças!

(autor desconhecido) 

Pratica da Umbanda na política

Estamos em meio a um momento muito delicado, muito sensível e seriamente comprometedor de nosso país, mas necessário, e sabemos que haverão outros desfechos ao longo do tempo, tudo isso que afeta o país nos afeta diretamente, ao nosso presente e ao nosso futuro, como pessoas, cidadãos e sociedade, como um todo, o que inclui nossos filhos e netos. É o momento de nós umbandista intervirmos mediúnica e espiritualmente, pois dispomos desses recursos, estamos sempre formando Correntes energéticas nos trabalhos espirituais em nosso Templo e temos noção de como fazê-lo, sabemos como emanar energias de limpeza e positividade, a Umbanda nos dá essa possibilidade, nos prepara para isso o tempo todo, atingimos pessoas enfermas em suas casas e hospitais, tratamos pessoas conhecidas e desconhecidas no plano espiritual, as estruturas espirituais do Templo levam ajuda e proteção, arrebanhamento, acolhimento à centenas de pessoas e espíritos, atestando sua força, seu valor, com isso podemos também estabelecer Correntes energéticas para estabilização, equilíbrio e transformação positiva contribuindo com o acerto de nosso país. Podemos praticar isso com maior intensidade, usando do instrumento mediúnico com o qual fomos dotados.

Texto escrito pelo médium Carlos Feitosa.

Homenagem aos Pretos Velhos Pretos Velhos

Velhos no que?

Velhos na Sabedoria que se eterniza na Espiritualidade

Sabedoria que sabe enfrentar a dor com o Sorriso nos Olhos

mas sabem a dor passa e que a Alegria é o remédio que cura.

Sabedoria que lê através da fumaça do seu cachimbo as aflições da Alma

que o afagar de suas mãos trêmulas transmite a Serenidade de entendermos que estamos aqui para aprender

Sabedoria em usar as Ervas que a Jurema nos da como Remédio para a cura do Corpo Mente e Espírito

Sabedoria de nos demonstrar através da história que qualquer que seja o trabalho e por mais duro que ele seja sempre se pode sentir a leveza deste bastando Cantar com Alegria e Respeito

Sabedoria no tom e nas palavras que nos transmite e que alimentam a Esperança de que tudo vai melhorar

Sabedoria de ensinar a plantar o hoje com Fé Amor e Sabedoria pois o Amanhã será um Fruto do que hoje foi plantado.

Salve Amados Pretos Velhos

Saravá Saravá Saravá

Influências

Li, dias atrás, em um artigo de uma revista uma frase que chamou muita a minha atenção: “o preconceito é um poderoso instrumento para economia de tempo, pois ele permite que o indivíduo forme uma posição sem ter o trabalho de verificar os fatos”.

Um jornalista, por mais sério que possa ser, não consegue se despir de sua ideologia política, da sua formação religiosa ou dos seus valores, sempre que escreve algo para ser publicado.

Leia mais:Influências

Bem vindo à Umbanda

Porque UMBANDA

Neste período de recesso tenho pensado porque escolhi a UMBANDA como minha religião, minha escola de Vida.

Nunca senti uma necessidade ou melhor tanta a falta de um Templo num período tão curto de tempo (férias).

Que sensação é esta que me faz sentir vontade de retornar amanhã.

Como não se sentir amado ao entrar em seu Templo e ver o filho de Deus, Oxalá, nos recebendo de braços aberto e ao ouvir seu nome ter a sensação de que ouvimos “Olá seja Bem Vindo”.

Leia mais:Bem vindo à Umbanda

108 anos de Umbanda

Em 15 de novembro comemoramos 108 anos de Umbanda e para homenageá-la tentamos por em palavras o que ela significa para nós:

A Umbanda pela Babá Sonia:

“Umbanda?! Minha missão maior é colocá-la em prática nesse meu estágio de vida. A começar pelo grupo Espiritual familiar que me foi oferecido. Espero não decepcioná-la, pois tentarei até o fim transformar a todos em união, a serem instrumentos de levar a luz, caridade, perseverança àqueles que não te conhecem. Não é fácil, porém não impossível. Já aprendi muito, tenho também muito a ensinar e muito mais a colocar em prática fazendo desse pequeno bando que me foi dado, uma única banda de AMOR.” 

Leia mais:108 anos de Umbanda

Conversa com Iemanjá

Hoje estou na casa dela como visitante e sinto-me como seu convidado embora ela sempre me receba com seus braços abertos me dando conforto ao Espírito e carinho ao meu corpo e mente.

Com seu lindo vestido azul enfeitada com suas miçangas me convida a dançar ao movimento do balanço do mar.

Banha me com suas águas puras e azuis e me diz filho aproveite e deixe aqui neste banho as impurezas da mente da alma e do corpo.

Com sua energia arrasta para mar adentro todas as minhas frustrações tristezas rancores o que me deixa leve e feliz e agora diz" Filho receba agora esta onda límpida e pura que vem para te energizar com a saúde alegria amor e com isto crescerá sua ainda mais a sua Fé e só te peço uma coisa, leve esta mensagem para todos aqueles que como você precisam desta energia e avise que eu estou sempre aqui para que todos que acreditam em mim como tu venham aqui também renovar as suas energia e a Fé.

Espalhem pelo mundo a verdadeira Umbanda que Oxalá nos ensina e a pratiquem como exemplo para que o mundo a respeite e a siga em seus ensinamentos de Perseverança Caridade Amor e Fé Salve meu filho

Salve Odoia minha Mãe Iemanjá" 

Escrito por Luiz Carlos Magalhães em novembro de 2016.

Aceitação

Na maioria das vezes temos mais facilidade de enxergarmos os nossos erros e fraquezas se comparados com os nossos acertos e qualidades. Por que será que isso ocorre?

É sempre mais fácil olharmos com olhar crítico e julgarmos as características que não gostamos em nós mesmos, então junto com tal olhar trazemos a nós energia de punição e logo queremos eliminar tais características que julgamos nos fazer sofrer.

Leia mais:Aceitação

Resiliência

Resiliência É a capacidade de superar um trauma ou um grande problema, mas com a diferença de sair transformado, fortalecido.

Leia mais:Resiliência

Hierarquia dentro do Templo de Umbanda

Desde que nascemos aprendemos que nosso pai de sangue é o chefe do lar, a ele cabe nos proteger, amparar, trazer o alimento para casa e a nossa mãe cabe também nos proteger, nos educar ,nos dar carinho e a ambos devemos respeito e gratidão. Em algumas casas esta Hierarquia é clara e outra as figuras se invertem e em outras ou ou outro são as duas coisas juntos, assim como em casas onde os pais são aqueles que nos criaram, mesmo assim temos clara a quem cabe o comando da casa onde vivemos.

Leia mais:Hierarquia dentro do Templo de Umbanda

De quem é a culpa?

Problemas. Desde crianças aprendemos na escola a lidar com problemas. Problemas de matemática: tenho uma laranja e ganho duas, com quantas fico? Nesse momento nossos professores, com mais experiência, nos explicam e ensinam como fazer para resolvê-los. Após aprendida cada lição, vamos evoluindo, tendo problemas ainda mais complexos: matrizes, potências, física, etc. Para cada fase utilizamos todo o conhecimento adquirido por experiências próprias e pelo que aprendemos com pessoas mais experientes, até que possamos, passo a passo, resolvermos problemas e desafios mais complexos.

Leia mais:De quem é a culpa?

Somos iguais

Com algumas exceções, a maioria de nós chegou ao terreiro trazido por algum problema, e por mais repetitivo que possa parecer, a maioria dos nossos problemas tem como principal causador nós mesmos e a sua definitiva solução vem através do nosso crescimento espiritual.

Leia mais:Somos iguais

Santuário, entrega e firmeza

Para quem se lembra das aulas de física do colégio, vai lembrar-se dos átomos, elétrons e prótons que são as menores partículas que compõem a matéria, que carregadas com carga negativa e positiva vibram em grande intensidade.

Leia mais:Santuário, entrega e firmeza

Nossos Pedidos a Espiritualidade

Deus nos criou a sua imagem e semelhança, portanto somos todos espíritos, fruto deste mesmo Deus. Deu-nos a sua luz, que é o amor, nos deu todos os sentimentos, os bons e também os ruis, e nos deu o livre arbítrio. E é através dos nossos sentimentos que interagimos com o mundo e a vida, e temos a liberdade, através deste livre arbítrio de tomar nossas decisões, atitudes e fazer nossas opções.

Leia mais:Nossos Pedidos a Espiritualidade

O Fim do Mundo - Como Conhecemos...

Muitos já se esqueceram das especulações do fim do mundo que ocorreria em 21 de dezembro de 2012. A esperada data em que algo grande aconteceria, como a inversão dos polos da Terra, a aproximação do Planeta X, o Apocalipse... passou e nada aconteceu, o que frustrou muitos que tanto se prepararam para a data. Mas será que nada aconteceu? Será que tantos povos e estudiosos estavam errados? A resposta para essas perguntas pôde ser sentida por aqueles com mediunidade e sensibilidade desenvolvidas e afloradas.

Leia mais:O Fim do Mundo - Como Conhecemos...

A espiritualidade escolhe ou somos nós que escolhemos o que fazer dentre tantas tarefas numa casa de Umbanda?

Quando definimos o local, a Casa Espiritual que iremos frequentar para desenvolver a fé que carregamos em nosso íntimo sabemos que são grandes os desafios e que trabalho não faltará.

Leia mais:A espiritualidade escolhe ou somos nós que escolhemos o que fazer dentre tantas tarefas numa...

Consciência da não continuidade do aprimoramento mediúnico após iniciado

Este texto retrata um alerta geral, para todos os praticantes na aplicação e no desenvolvimento da mediunidade dentro da Umbanda e dentro de um Templo umbandista como o nosso, que percebemos não está bem fundamentado ou é minimamente compreendido.

Leia mais:Consciência da não continuidade do aprimoramento mediúnico após iniciado

A importância de nos expressar quando em dúvida, buscar o esclarecimento.

Devemos sempre expressar nossas dúvidas, pensamentos e opiniões sem titubear, principalmente quando se trata de assunto relacionado à espiritualidade ou ao nosso Templo.

Leia mais:A importância de nos expressar quando em dúvida, buscar o esclarecimento.

Afinal, o que é a tão falada Evolução Espiritual?

Sempre lemos ou ouvimos falar dentro de nosso Templo as expressões “evolução espiritual”, “aprimoramento de nossos espíritos”, “reforma íntima”. A pergunta que me faço é se todos que estão lá já se perguntaram ou refletiram a respeito do significado delas. O que é propriamente a evolução espiritual? Como sabermos se estamos ou não no caminho de nosso aprimoramento? O que de fato se quer dizer com reforma íntima? Penso que essas perguntas não possuem respostas certas e absolutas, mas sim abrem para possibilidades de reflexão, de questionamentos e, principalmente, de vivências de sensações.

Leia mais:Afinal, o que é a tão falada Evolução Espiritual?

Mensagem de incentivo a viver melhor

Nosso cotidiano é feito de coisas tão evidentes como as coisas aqui ditas, mas somos tão incapazes de enxergar, de pensarmos a respeito de cada uma delas, somos tão inúteis quando temos que reagir a algo que nos incomoda e prejudica vindo de nós mesmos.

Leia mais:Mensagem de incentivo a viver melhor

Respeito

Em primeiro lugar vamos responder a uma pergunta, por qual motivo, antes de entrar para a Corrente, procurei o Terreiro?

Leia mais:Respeito

Sete lágrimas de um Preto Velho

Este texto foi escolhido como tema para preleção e para ser colocado no Site do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde, pela Médium, Rossana Di Natale. O texto revela uma realidade vivida até os dias de hoje dentro nas Casas e Templos de Umbanda, tão bem definida nas palavras de um Preto Velho, muito verdadeira, tocante e triste, e por isso das lágrimas descritas nele.

Leia mais:Sete lágrimas de um Preto Velho

Três Significativas Lições de Vida

Este é um relato que nos dá três fortes lições de vida, uma pela forma sensível, pura, emotiva, madura e elevada com que a narrativa e feita, outra mostrando a nós uma descrição tão profunda do laço de muito amor que une e nos diz o que é ser um irmão, e se estendermos isso além dos limites da família, não deve mudar, pois em família ou fora dela somos irmãos em um mesmo e único Pai. E pensando desta forma como descreveríamos o que é ser uma Mãe e um Pai?

Por fim, deixando claro que se trata de uma manifestação de espírito que rege uma matéria ainda jovem, mas que demonstra a maturidade e o equilíbrio do espírito mais velho, sensível e experiente que é o maior exemplo de evolução que se pode alcançar no objetivo espiritual, rumo a Luz Maior, dentro e fora da matéria.

Carlos Feitosa

Leia mais:Três Significativas Lições de Vida

As escolhas são prerrogativas nossas

Às vezes nos pegamos pensando sobre as escolhas que fizemos no passado. Nem sempre nos parece que foram as mais acertadas. O que nos parecia, na época, o mais indicado a se fazer talvez não fosse o ideal, mas era apenas o que daríamos conta em assumir, era o que nossa visão e experiência nos permitiam alcançar, associado ao que de fato suportaríamos naquele momento carregar.

Leia mais: As escolhas são prerrogativas nossas

É tempo de agradecer

Tentando usar as palavras para descrever meus sentimentos, decidi escrever este texto em agradecimento. Porque só tenho a agradecer. Porque agradecendo nos tornamos mais humildes e capazes de enxergar os pequenos gestos que realmente trazem a felicidade. Depois de um tempo de provações, tive o privilégio de realizar minha firmeza neste começo de ano para recomeçar. E gostaria que todos pudessem sentir a mesma emoção que sinto agora. Renovar. Dar uma nova chance a nós mesmos.

Leia mais:É tempo de agradecer

Semeadores de Oxalá

 

Todos aqueles que têm a missão de ensinar e orientar são denominados semeadores. Semeadores de lições, de orientações e de condutas. As sementes são as palavras, que unidas formam frases e das frases as lições. Essa imensa quantidade de palavras-sementes, são plantadas naquele que as escuta e o destino delas depende apenas dele e do tipo de terreno que ele é.

Leia mais:Semeadores de Oxalá

Abordagens sobre o Desenvolvimento Mediúnico

É necessário estar na mente e no coração que a mediunidade é como um rio. Ela flui do coração do espírito comunicante até o coração do Médium.

Leia mais:Abordagens sobre o Desenvolvimento Mediúnico

Escola de Exus e Pombas-gira

 

Na Gira de Esquerda, o Exu Sete Catacumbas e o Exu Rocha Negra explicaram que o Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde , por sua firmeza de Esquerda, aos comandos do Exu Sete Encruzilhadas e Exu Meia Noite, se formou uma Escola de Exus.

Leia mais:Escola de Exus e Pombas-gira

Orientações para o Banho de ervas e a Defumação da matéria e do ambiente

Baseado na preleção do Dr Fritz 29/06/12

Assim como em qualquer trabalho espiritual, para fazer a defumação de sua casa e para preparar e tomar o banho de ervas é necessário preparo inicial e concentração durante todo o processo. O banho não pode ser feito de forma displicente e mecânica como se nada tivesse acontecendo, ou mesmo com baixa sintonia ou sentido. O banho deve ser sentido como se estivessem sendo tocados por uma energia forte e vibrante.

Leia mais:Orientações para o Banho de ervas e a Defumação da matéria e do ambiente