• Seja bem vindo !

    Este site foi criado com o objetivo de divulgar a Umbanda e seus ensinamentos, atingindo não apenas os que frequentam nosso Templo, mas todos que se interessarem pela religião. Aqui você encontrará textos sobre rituais e normas de nossa Casa, reflexões da nossa Mentora, preleções das Entidades Chefes, temas desenvolvidos por médiuns da Corrente e de Saúde e Medicina Espiritual. Leia Mais
  • Nosso Livro

    O livro "Mensageiros da Espiritualidade" traz relatos ditados pelas Entidades Chefes e pela Mentora Espiritual do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde, em um manifesto aos seus filhos, frequentadores e à humanidade, sobre os preceitos e conduta que regem a Umbanda Sagrada nos dias atuais... Leia Mais
  • Conheça nossa página do FaceBook

    https://www.facebook.com/Templo-Espiritual-De-Umbanda-Caboclo-Pena-Verde-212423025776472/ Leia Mais

A espiritualidade escolhe ou somos nós que escolhemos o que fazer dentre tantas tarefas numa casa de Umbanda?

Quando definimos o local, a Casa Espiritual que iremos frequentar para desenvolver a fé que carregamos em nosso íntimo sabemos que são grandes os desafios e que trabalho não faltará.

O que nos deve motivar é a satisfação em ser útil e fazer parte de um todo que tem por objetivo maior promover a caridade, o desenvolvimento no sentido da evolução do espírito, o cessar ou o amenizar o sofrimento que envolve física e emocionalmente os seres humanos, nossos irmãos, não por escolha, mas sim por total e sincera doação a todos, pois se nos consideramos filhos de um único Pai, não temos como nos desvincular da condição de irmãos e semelhantes aos olhos deste Pai.

Todas as funções são de grande importância, pois são primordiais para o bom funcionamento de um Templo Espiritual. Cada uma carrega sua importância e uma depende da outra para que o objetivo comum seja atingido.

Vejamos como exemplo Templo em um dia de Gira:

A quarta-feira começa e a Casa já deve estar limpa, com todas as dependências em condições de receber os assistidos e trabalhadores que estarão logo mais à noite realizando suas funções. Portanto uma colaboradora para a limpeza material da Casa é uma peça fundamental para que a Gira se instale. Com a Casa limpa, temos que manter abastecida a cantina, local onde as pessoas se alimentam, pois a grande maioria vem direto de seu trabalho ou estudos, daí a importância dos filhos que estarão à disposição nesse local, para atendê-los.

E quem vai cuidar da parte dos rituais, das firmezas, da defumação, da limpeza dos assentamentos? É necessário que além da limpeza material haja uma preparação ritualística da Casa para a realização da Gira. Temos aí outro pessoal responsável em acender as velas, fazer a defumação, lavar apetrechos, preparar os locais sagrados e assentados, usando de todos os cuidados necessários, dentro dos rituais instituídos pela Casa, para que os trabalhos espirituais se realizem com toda a firmeza e segurança necessárias.

E agora? Ainda temos as pessoas que distribuem as fichas, as senhas dos atendimentos, que recolhem as contribuições mensais também necessárias para que se possa cobrir as despesas da Casa e mantê-la em condições de receber pessoas; este é o pessoal da secretaria.

Ufa! Finalmente chegamos ao pessoal da Corrente de trabalho mediúnico espiritual: os Médiuns, Cambones, Ogãs, que se distribuem e estarão na Corrente recebendo os assistidos para a Gira, auxiliando em todos os setores do Terreiro, onde haja um trabalho espiritual, prestando igualmente todo o apoio e doação, para que este trabalho seja o melhor possível em seu resultado. Será que só aquele que incorpora é útil dentro desse processo? Não, é todo um conjunto de pessoas, ações, normas e regras e iniciativas que dão sustentação a um trabalho espiritual, onde um depende determinantemente do outro.

É fundamental que todos, assistidos e trabalhadores tenham consciência que a Gira não começa às 21h, que nada do que se encontra antes de uma Gira brotou do acaso, sem esforço, trabalho, dedicação, empenho e boa vontade.

Observem e reflitam sobre isso. Numa Casa onde prevalece o sentido da ajuda, o sentimento do amor, a abnegação, a humildade, o bem servir, devemos todos entrar nesta mesma sintonia, nos inserirmos por inteiro nesse espírito, sermos portadores do bem, divulgadores da compreensão, servidores de Oxalá, prontos para agir quando a tarefa assim nos chamar!

Texto escrito por Rossana Di Natale, Médium do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde em 16/07/2013.